Yossef Akiva 2012

Petra – farewell (Full Concert)

 

Por favor, se gostou compre o DVD.

Michael W. Smith & Amy Grant full concert, 2 Friends Tour, Tallahassee

 

Por favor, se gostou compre o DVD.

Jeremy Camp – Unplugged

O Evangelho Segundo (João Filme Bíblico Dublado)

João Batista era Elias

 

Na conversa depois da Transfiguração, Jesus afirmou que “Elias já veio, e não o reconheceram”. “Então, os discípulos entenderam que lhes falara a respeito de João Batista” (Mateus 17:12-13). De fato, Jesus já havia dito que João cumpriu a profecia da vinda de Elias (Mateus 11:14; veja Malaquias 4:5).
A profecia de Malaquias é importante, porque mostra que Deus enviaria um mensageiro para preparar o caminho de Jesus. Mas, algumas pessoas dizem que João Batista era Elias reencarnado. Vamos ver a resposta da Bíblia a essa noção.
Devemos distinguir entre o sentido simbólico da profecia e a afirmação literal que o próprio João fez em outro lugar. João agiu do mesmo modo de Elias. Usava roupas de pêlos (Marcos 1:6; 2 Reis 1:8) e morava nos lugares desertos e afastados (Mateus 3:1; 1 Reis 17:2-6). Elias introduziu uma nova época de profecia, em que Deus julgou o povo rebelde e desobediente. João, também, introduziu uma época de nova revelação, em que o Filho de Deus veio para julgar o mundo. Mas, tudo isso não quer dizer que João era, literalmente, Elias. Quando os sacerdotes e levitas perguntaram para João: “És tu Elias? Ele disse: Não sou” (João 1:21). Ele afirmou que veio para cumprir algumas profecias do Velho Testamento, mas deixou bem claro que não era Elias.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

A doutrina de reencarnação faz parte dos ensinamentos de diversas religiões, mas não se encontra nas Escrituras. A Bíblia afirma: “E, assim como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disto, o juízo….” (Hebreus 9:27). Depois da morte, vamos ser julgados por Jesus “segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo” (2 Coríntios 5:10). Observe que ele não falou “por meio dos corpos”.

Mais uma advertência: o problema maior da doutrina de reencarnação é a idéia de aperfeiçoamento através de várias vidas. Essa noção nega a doutrina bíblica de salvação pela graça de Deus (Efésios 2:8). Mesmo se fosse possível viver mil vezes, o homem não é capaz de se salvar sozinho. Dependemos da graça do Salvador.

Fonte: http://estudos.gospelmais.com.br/joao-batista-era-elias.html

Parte inferior do formulário

fonte

 

Quem é o Espírito Santo?

 

 

A paz do Senhor Jesus a todos. Hoje eu farei um breve estudo sobre o Espírito Santo.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

O Espírito Santo é uma Pessoa Divina.

O Espírito Santo não é apenas uma força ativa ou uma força impessoal, como dizem algumas religiões. Ele é a Terceira Pessoa da Trindade. Assim como uma Pessoa (Divina), o Espírito Santo tem vontade, tem inteligência, tem afeto e é capaz de ensinar.

1. O Espírito Santo tem vontade:

Em Atos 16:7 está escrito: “E tendo chegado diante da Mísia, tentavam ir para Bitínia, mas o Espírito de Jesus não lho permitiu”. Somente quem tem vontade, pode permitir ou não alguma coisa.

Em 1 Coríntios 12:11 está escrito: “Mas um só e o mesmo Espírito opera todas estas coisas, distribuindo particularmente a cada um como quer”. O Espírito Santo distribui os dons como quer, então, Ele tem vontade.

2. O Espírito Santo tem inteligência:

Em João 14:26 está escrito: “Mas o Ajudador, o Espírito Santo a quem o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto eu vos tenho dito”. Somente quem tem inteligência é capaz de ensinar.

Em João 15:26 está escrito: “Quando vier o Ajudador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade, que do Pai procede, esse dará testemunho de mim”. Somente quem tem inteligência é capaz de testemunhar a respeito de alguém.

3. O Espírito Santo tem afeto:

Em Efésios 4:30 está escrito: “E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual fostes selados para o dia da redenção”. Somente quem tem afeto é capaz de se entristecer.

Em Isaías 63:10 está escrito: “Eles, porém, se rebelaram, e contristaram o seu santo Espírito; pelo que se lhes tornou em inimigo, e ele mesmo pelejou contra eles”. Contristar significa entristecer, causar tristeza.

4. O Espírito Santo é capaz de ensinar:

Em Lucas 12:12 está escrito: “Porque o Espírito Santo vos ensinará na mesma hora o que deveis dizer”. O Espírito Santo é uma Pessoa Divina e por ser uma Pessoa (e não apenas uma força ativa), Ele é capaz de ensinar.

5. O Espírito Santo é a mesma essência com o Pai e o Filho.

Ou seja, Ele é Deus assim como o Pai e o Filho. Em Mateus 28:19 está escrito: “Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo”.

6. Ele procede do Pai e do Filho.

Em João 14:26 está escrito: “Mas o Ajudador, o Espírito Santo a quem o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto eu vos tenho dito”.

Em João 15:26 está escrito: “Quando vier o Ajudador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade, que do Pai procede, esse dará testemunho de mim”.

7. Ele também se chama Espírito de Cristo.

Em Gálatas 4:6 está escrito: “E, porque sois filhos, Deus enviou aos nossos corações o Espírito de seu Filho, que clama: Aba, Pai”.

Em Romanos 8:9 está escrito: “Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se é que o Espírito de Deus habita em vós. Mas, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele”.

Como pudemos ver acima, o Espírito Santo é: Deus, A Terceira Pessoa da Trindade, O Consolador, O Ajudador. Ele é alguém que pensa, tem afeto, tem inteligência e é capaz de ensinar. Enfim, Ele é Deus Todo-Poderoso, assim como o Pai e o Filho. Espero que vocês tenham gostado deste breve estudo e até a próxima oportunidade, se Deus assim quiser.

Fonte: http://estudos.gospelmais.com.br/quem-e-o-espirito-santo.html

Cuidado com os lobos disfarçados de ovelha

Em Mateus 7:22-23 está escrito: “Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? E em teu nome não expulsamos demônios ? e em teu nome não fizemos muitos milagres? Então lhes direi claramente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade.” O versículo acima demonstra, irrefutavelmente, que o fato de alguém ser usado por Deus não significa que este alguém tenha Deus no coração. São muitos os exemplos bíblicos que provam isto, como podemos ver a seguir:

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Em Lucas 9:1-2 está escrito: “E, convocando os seus doze discípulos, deu-lhes virtude e poder sobre todos os demônios, para curarem enfermidades. E enviou-os a pregar o reino de Deus, e a curar os enfermos.” Entre os doze discípulos, amados irmãos, estava Judas Iscariotes, que foi aquele que traiu Jesus. Judas Iscariotes, mesmo não tendo Deus no coração, foi usado para expulsar demônios, curar enfermidades e pregar o reino de Deus. Como eu disse anteriormente, o fato de alguém ser usado por Deus, não significa que este alguém tenha Deus no coração.

Em 1 Samuel 28:7 está escrito: “ Então disse Saul aos seus servos: Buscai-me uma necromante, para que eu vá a ela e a consulte. Disseram-lhe os seus servos: Eis que em En-Dor há uma mulher que é necromante.” Saul não era um homem segundo o coração de Deus, consultou uma feiticeira (necromante) e, no entanto, chegou a profetizar em 1 Samuel 19:24, que diz: “E despindo-se de suas roupas, também profetizou em transe na presença de Samuel. Ele ficou deitado nu todo aquele dia e toda aquela noite. Por isso, o povo diz: Está Saul também entre os profetas?” Mais uma vez: o fato de alguém ser usado por Deus, não significa que este alguém tenha Deus no coração.

Em Mateus 24:24 está escrito: “Porque hão de surgir falsos cristos e falsos profetas, e farão grandes sinais e prodígios; de modo que, se possível fora, enganariam até os escolhidos.” Observem que até um falso profeta pode operar milagres (grandes sinais e prodígios). Novamente: o fato de alguém ser usado por Deus, não significa que este alguém tenha Deus no coração.

Em 2 Coríntios 11:13-15 está escrito: “ Porque tais falsos apóstolos são obreiros fraudulentos, transfigurando-se em apóstolos de Cristo. E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz. Não é muito, pois, que os seus ministros se transfigurem em ministros da justiça; o fim dos quais será conforme as suas obras.” Atentem para o fato de que até os obreiros fraudulentos podem se passar por ministros de Deus e enganar a muitos. Repetindo novamente: o fato de alguém ser usado por Deus, não significa que este alguém tenha Deus no coração.

Em 2 Tessalonicenses 2:9 está escrito: “A esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira.” Percebam o seguinte: Satanás é capaz de usar alguém no meio do povo de Deus para atingir seus propósitos, fazendo uso de sinais e prodígios da mentira. Como já foi dito exaustivamente em parágrafos anteriores: o fato de alguém ser usado por Deus, não significa que este alguém tenha Deus no coração.

Em Mateus 13:38 está escrito: “O campo é o mundo; a boa semente são os filhos do reino; o joio são os filhos do maligno.” Como podemos ver neste versículo, o joio (filhos do maligno) imitam o trigo, a boa semente (o trigo). O fato de alguém falar de Deus e operar milagres, não significa que Deus esteja com ele.

Em 2 Timóteo 3:5 está escrito: “Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te.” Alguns obreiros fraudulentos são capazes até de chorarem em público, na tentativa de demonstrar aparência de piedade, mas isto não significa que eles tenham Deus no coração.

Em Mateus 4:6 está escrito: “Se tu és o Filho de Deus, lança-te abaixo; porque está escrito: Que aos seus anjos dará ordens a teu respeito, e tomar-te-ão nas mãos, para que nunca tropeces em alguma pedra.” Observem que o próprio diabo citou as Escrituras (Salmo 91:11-12) e todos nós sabemos que o diabo não tem Deus no coração; pelo contrário, ele é mentiroso e pai da mentira (João 8:44). Então o fato de alguém falar das Escrituras Sagradas não prova que este alguém tenha Deus no coração.

Infelizmente, em muitas igrejas, vemos falsos pastores (aqui no Brasil, alguns até se autodenominam apóstolos), explorando o povo de Deus de forma descarada, fazendo um verdadeiro comércio da fé, ensinando coisas do tipo “água ungida”, “cajado ungido”, fogueiras santas” e tantos outros absurdos teológicos que nada tem a ver com a Palavra de Deus, no intuito único de explorar financeiramente as pessoas de boa fé, que acabam sendo presas fáceis para esses lobos devoradores disfarçados de ovelhas. O fato de alguém ser usado por Deus não significa que este alguém tenha Deus no coração, como pudemos observar nos versículos citados acima e estes falsos apóstolos, ministros do diabo, com certeza não possuem o Espírito de Deus em seus corações, pois, Deus nunca enganou ninguém e Ele (Deus) desaprova todo e qualquer tipo de exploração, inclusive a financeira. Irmãos, vamos ficar atentos em tudo o que está acontecendo dentro de nossas igrejas, pois, aquele que é de Deus não consegue se calar mediante a operação do erro e do engano. Toquem a trombeta e sejam como verdadeiros atalaias do Senhor.

Fonte: http://estudos.gospelmais.com.br/cuidado-com-os-lobos-disfarcados-de-ovelha.html

%d blogueiros gostam disto: